Combinação de negócios CPC 15 IFRS 3

Quando uma entidade adquire o controle de um ou mais negócios caracteriza-se a Combinação de Negócios de que trata o CPC 15. Esse processo é também chamado no jargão profissional de PPA, (do inglês purchase price allocation)

Nesse caso o adquirente deve contabilizar essa combinação pela aplicação do método de aquisição, que exige:

  1. A identificação do adquirente;
  2. A determinação da data de aquisição;
  3. O reconhecimento e mensuração dos ativos identificáveis adquiridos, dos passivos assumidos e das participações societárias de não controladores na adquirida; e
  4. O reconhecimento e mensuração do ágio por expectativa de rentabilidade futura (goodwill) ou do ganho proveniente de compra vantajosa.

Esse é um processo complexo que exige a avaliação a valor justo dos ativos tangíveis e intangíveis adquiridos e dos passivos assumidos.

A Setape tem experiência na condução de processos de PPA, com base na sua ampla experiência na avaliação de ativos tangíveis e intangíveis.

MENU